Últimas notícias de economia, política, carros, emprego, educação, ciência, saúde, cultura do Brasil e do mundo. Vídeos dos telejornais da TV Globo e da GloboNews.
Semana será de veranico no Rio

Segunda (16) começa com máxima de 34°C e umidade do ar bem abaixo do ideal. Sistema de alta pressão mantém o tempo seco e quente, no Rio, durante toda a semana. Amanhecer na Ilha do Governador Angelo Lessa reprodução/twitter A semana começou com mínima de 14°C, no Rio, nesta segunda-feira (16) segundo o INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), mas ao longo do dia o calor ganhou força e a máxima chegou aos 34°C, em Santa Cruz, na Zona Oeste da cidade. Um sistema de alta pressão mantém o tempo firme, sem previsão de chuva para os próximos dias, com ar quente e seco. Além do calorão, outro destaque do dia foi a umidade relativa do ar que ficou abaixo do ideal. Segundo a OMS ( Organização Mundial da Saúde) o ideal é a umidade do ar estar em torno dos 60 %, mas hoje à tarde ela caiu para 28%, no Campo dos Afonsos, na Zona Oeste. Segundo o INMET, na Vila Militar e em Jacarépagua, a umidade caiu ainda mais por volta das 16 hroas, registrando apenas 22%. Quem tem alergia respiratória, crianças e idosos perceberam essa falta de umidade no ar. Nesses dias é recomendado beber bastante água e evitar praticar esportes entre 11 da manhã e 15 horas. Nesta terça (17), o vento que está soprando de Norte, muda de direção e passa a soprar de Leste, com isso o vento joga umidade do mar para o continente deixando a umidade do ar mais alta. Veja a previsão completa para a semana abaixo: Semana será de madrugadas frescas mas dias quentes, com máximas chegando aos 33°C. Não há previsão de chuva para os próximos dia. Na quarta (18) o dia pode começar com Névoa. Previsão do tempo para essa semana no Rio Fernanda Garrafiel / G1Rio Semana será de madrugadas frescas mas dias bem quentes, no Rio.
Mon, 16 Jul 2018 20:02:26 -0000
Prefeitura de Divinópolis abre processo seletivo na área da saúde

As vagas são para citopatologista e psiquiatra com remuneração de R$ 2.819. Secretária Municipal de Saúde abre seleção para médico citopatologista e psiquiatra em Divinópolis Prefeitura de Divinópolis/DiIvulgação A Prefeitura de Divinópolis divulgou nesta segunda-feira (16) que a Secretária Municipal de Saúde de Divinópolis (Semusa) abrirá processo seletivo para médico citopatologista e psiquiatra, visando atender a necessidade temporária de excepcional interesse público. A Administração também informou que o edital será publicado nesta terça-feira no Diário Oficial. São duas vagas para um cargo de 12 horas de trabalho, com salário de R$ 2. 819,34. Os interessados têm até o dia 26 de julho para ir com a documentação que constará no edital até a Gerência de Recursos Humanos da Semusa. O endereço é Rua Minas Gerais, nº 900, das 12h30 às 17h30. Resultado Segundo a Prefeitura, o resultado será emitido pela Semusa com lista de pontos obtidos em ordem decrescente e publicado até 7 de agosto de 2018, no Diário Oficial dos Municípios Mineiros, disposto no endereço eletrônico, e na portaria da Semusa. Em caso de finalização do processo de análise antes da data estabelecida, a divulgação do resultado poderá ocorrer antecipadamente.
Mon, 16 Jul 2018 20:00:44 -0000
Com presídio parcialmente interditado há 81 dias, complexo de delegacias de Feira de Santana tem superlotação de presos

Unidade tem 5 celas, com capacidade para 20 detentos, mas, no entanto, abriga 50. Conjunto Penal da cidade está impedido de receber novos presos por decisão da Justiça. Conjunto Penal de Feira de Santana, na Bahia Almir Melo / TV Subaé O Complexo de Delegacias de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador, está com superlotação de presos por conta da interdição parcial do Conjunto Penal do município, ocorrida há 81 dias. De acordo com informações do delegado Roberto Leal, coordenador regional da Polícia Civil na cidade, as 5 celas do Complexo, que deveriam abrigar 20 detentos, estão, atualmente, com 50. O Conjunto Penal de Feira de Santana foi interditado pela Justiça da Bahia no dia 26 de abril, após uma ação movida pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) e a Ordem de advogados da Bahia (OAB), pelo não cumprimento de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em 2016. A decisão foi do juiz de execuções penais da cidade, Waldir Viana. O TAC prevê a ampliação do presídio, a separação entre os presos do regime fechado dos que estão no semi-aberto, e entre os presos definitivos dos presos temporários, a contratação de mais agentes penitenciários, além da compra de scanners para fazer a revista corporal. Desde a determinação da Justiça, o presídio foi proibido de receber novos detentos. Com isso, todos os presos são direcionados para o Complexo de Delegacias. Contudo, os detentos que já estavam no Conjunto Penal foram mantidos. Conforme informações do capitão da Polícia Militar Allan Araújo, diretor do presídio, atualmente, a unidade abriga 1.830 detentos, com 3 dos 13 pavimentos desativados . No entanto, a capacidade do conjunto, segundo o diretor, é de 1.356, com todos os pavimentos em atividade. Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização da Bahia (Seap) disse que já cumpriu 90% das recomendações estabelecidas pelo TAC. Entre elas, segundo o comunicado, estão a separação dos presos, a instalação de monitoramento, aquisição de novos detectores de metal e o remanejamento de 11 agentes penitenciários, estando prevista a ida de mais 5 agentes. Além disso, a Seap informou também que está tentando viabilizar a compra de mais equipamentos de segurança e a contratação de mais agentes penitenciários. Presídio de Feira de Santana Reprodução/TV Subaé
Mon, 16 Jul 2018 20:00:06 -0000
Turistas são pegos roubando tijolos de Auschwitz

Casal húngaro recebeu multa e pena de prisão suspensa após ser flagrado guardando ruínas de um crematório no antigo campo de concentração nazista na Polônia. Segundo a polícia, eles queriam apenas um souvenir. Letreiro de ferro na entrada de Auschwitz-Birkenau também foi objeto de roubo em 2009 Rede Globo Dois turistas húngaros foram flagrados no fim de semana tentando levar tijolos de um antigo crematório no memorial de Auschwitz-Birkenau, na Polônia, que um dia abrigou o maior campo de extermínio nazista, informou a polícia polonesa nesta segunda-feira (16). Após o incidente no sábado, os dois receberam uma multa equivalente a cerca de 350 euros (R$ 1.500) cada um, além da pena de um ano em liberdade condicional. Patrimônio Mundial da Unesco desde 1979, o memorial, bem como todos os objetos em suas dependências, é protegido. O casal, uma mulher de 30 anos e um homem de 36, foi visto por outros visitantes do local guardando, dentro de uma bolsa, os tijolos retirados das ruínas de um crematório. Agentes de segurança do memorial foram alertados pelos turistas e intervieram. "O homem e a mulher foram acusados de roubo de bens culturais. Os dois admitiram o delito", afirmou o porta-voz da polícia local Mateusz Drwal. Segundo ele, os dois disseram que queriam apenas levar uma lembrança e não sabiam que estavam infringindo a lei. Esse não foi o primeiro roubo em Auschwitz. Em 2009, um letreiro de ferro com os dizeres Arbeit macht frei (o trabalho liberta, em alemão) foi levado da entrada principal do antigo campo de extermínio. O objeto, de 40 quilos e cinco metros de comprimento, foi encontrado mais tarde, e seus ladrões, condenados à prisão. Auschwitz-Birkenau foi um dos muitos campos de concentração construídos e operados pela Alemanha Nazista em território polonês durante a Segunda Guerra Mundial. Estima-se que 1 milhão de judeus tenham sido assassinados ali entre 1940 e 1945. Outras 100 mil pessoas, entre poloneses não judeus, membros das minorias sinti e roma, prisioneiros de guerra soviéticos e homossexuais, também morreram no campo.
Mon, 16 Jul 2018 19:59:57 -0000
EUA entram na OMC contra Canadá, China, México, Turquia e UE

Governo norte-americano questionou as medidas adotas por diversos países em represália às tarifas impostas ao aço e alumínio. Produtos importados dos EUA em um mercado de Pequim, China. AP Photo/Andy Wong O governo dos Estados Unidos anunciou na segunda-feira (16) que apelou à Organização Mundial do Comércio (OMC) para impugnar as medidas tomadas por Canadá, China, México, Turquia e União Europeia (UE), em represália às tarifas impostas pelo presidente Donald Trump ao aço e ao alumínio. Washington apresentou disputas separadas na OMC contra seus principais parceiros comerciais, questionando as tarifas que eles impuseram às exportações agrícolas e de maquinário dos Estados Unidos, em resposta às tarifas decididas por Trump há alguns meses. "As ações tomadas pelo presidente são totalmente legítimas e plenamente justificadas segundo as leis americanas e as regras de comércio internacional", disse o representante comercial americano (USTR), Robert Lighthizer, citado em comunicado. "Em vez de trabalhar conosco para abordar um problema comum, alguns de nossos parceiros comerciais escolheram responder com tarifas de represália elaboradas para punir os trabalhadores, agricultores e empresas americanos", acrescentou. Ele ainda afirmou que faltam fundamentos para as tarifas retaliatórias devido às normais internacionais. Guerra comercial: entenda a piora da tensão entre EUA e outras potências China apresenta nova queixa à OMC por tarifas dos Estados Unidos A Casa Branca anunciou no começo de março tarifas de 25% sobre o a aço e de 10% sobre o alumínio importados. Vários governos adotaram represálias. A China decidiu impor, em abril, tarifas adicionais de 15% a 25% sobre os US$ 3 bilhões de importações americanas. Desde 22 de junho, a UE impôs tarifas adicionais de entre 10% e 25% sobre US$ 3,2 bilhões de importações dos Estados Unidos. A Turquia estabelece em 21 de junho tarifas de 4% a 70% sobre US$ 1,8 bilhão de produtos vindos dos EUA. O Canadá e o México, sócios dos Estados Unidos Acordo de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta, na sigla em inglês), criaram tarifas adicionais de 10% a 25%, respectivamente, sobre US$ 12,7 bilhões de importações americanas (desde 1 de julho) e de 7% a 25% de US$ 3,6 bilhões (desde 5 de junho), respectivamente. 5 fatos sobre a guerra comercial entre Estados Unidos e China Tarifas atingem US$ 75 bilhões Segundo a Câmara de Comércio dos Estados Unidos, as tarifas retaliatórias, destinadas a atingir especialmente regiões do país onde o governante do partido Republicano tem muitos eleitores, abarcam atualmente US$ 75 bilhões em exportações americanas. Trump respondeu na semana passada às tarifas retaliatórias de Pequim sobre produtos americanos, ao anunciar que começou a definir uma lista de US$ 200 bilhões de produtos chineses aos quais vai impor novas taxas.
Mon, 16 Jul 2018 19:57:36 -0000
Após cair no golpe do 'bilhete premiado', homem perde R$ 3,3 mil em Piracicaba, SP
Caso ocorreu após vítima ter recebido ligação informando que, para resgatar prêmio, precisaria transferir dinheiro para contas bancárias. Uma falsa premiação de R$ 28 mil fez com que um montador de móveis tivesse prejuízo financeiro no valor de R$ 3,3 mil em dinheiro. O caso ocorreu na tarde de sábado (14) em Piracicaba (SP). Conforme informações do boletim de ocorrência, a vítima teria recebido uma ligação informando que foi premiada em uma promoção de uma operadora de celular. O homem foi instruído pelo suposto atendente que, para resgatar o valor, precisaria fazer transferências financeiras para contas bancárias, o que acabou fazendo. Todas as agências ficam no Estado do Ceará, segundo o documento da polícia. O caso foi registrado no Plantão Policial de Piracicaba e deve ser investigado. Golpe do falso sequestro Esse foi o segundo caso de golpe registrado na Delegacia de Piracicaba no mesmo dia. Um engenheiro civil perdeu R$ 10,5 mil no sábado após receber uma ligação em que o criminoso dizia que a filha dele havia sido sequestrada. Ele e a mulher fizeram vários depósitos e só desconfiaram do golpe após o criminoso pedir a compra de seis celulares. O suspeito não foi identificado. Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba
Mon, 16 Jul 2018 19:55:49 -0000
Suspeito de participação em ataques a ônibus é preso em Poços de Caldas, MG

Segundo a Polícia Civil, homem é integrante de facção criminosa que teria ordenado ataques. Suspeito de participação em ataques a ônibus é preso em Poços de Caldas (MG) Divulgação A Polícia Civil prendeu na manhã desta segunda-feira (16) um homem de 25 anos suspeito de participação nos ataques a ônibus em Poços de Caldas (MG). Ele foi preso durante cumprimento de um mandado e, segundo a polícia, é integrante da facção criminosa que teria comandado os ataques em Minas Gerais no mês de junho. Conforme a polícia, o homem é suspeito de atear fogo em um ônibus na Zona Sul. Ele estava desaparecido desde o dia do ataque e foi preso em casa, no Jardim Aeroporto. Em Poços de Caldas, uma das 24 cidades do Sul de Minas que registraram ataques a veículos e imóveis, foram queimados um galpão e dois ônibus. Na cidade, os crimes foram no dia 3 de junho. Na época, ninguém havia sido preso. A prisão do homem foi feita pela equipe da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas de Poços de Caldas. Ainda conforme a polícia, o homem preso já tem passagens por tráfico de drogas e roubo. Suspeito de ataques a ônibus é integrante de facção criminosa em Poços de Caldas (MG) Divulgação Ataques no Sul de Minas Desde o dia 3 de junho, quando ataques a ônibus começaram a ser registrados em Minas Gerais, cidades do Sul de Minas registraram algum tipo de ataques a ônibus, outros veículos ou imóveis. Os casos são apurados, e o governo afirma que ordens para ataques têm partido de facção criminosa, que está insatisfeita com o rigor no sistema prisional. Confira as cidades do Sul de Minas atingidas: Alfenas: 3 ônibus queimados e ataque à base da PM Alterosa: um ônibus da prefeitura queimado Brazópolis: tiros contra viatura da polícia Cambuí: coquetel molotov jogado dentro de agência bancária Cruzília: Tiros contra a delegacia Elói Mendes: dois ônibus incendiados Guaxupé: 6 ônibus queimados na garagem de empresa Itajubá: 2 ônibus queimados e 1 tentativa em outro ônibus Itanhandu: 1 ônibus queimado Lavras: ataque a base da PM Machado: 1 ônibus queimado Monte Santo de Minas: 2 ônibus queimados na garagem da prefeitura Passa Quatro: 1 ônibus queimado Passos: 3 ônibus, 1 viatura da polícia e uma caminhonete queimados. Tiros contra o presídio e bases da polícia. Pedra com fogo na Câmara Municipal. Ataque contra um caminhão de lixo e uma van dos Correios. Piranguinho: 1 ônibus, 1 micro-ônibus e 1 van Poços de Caldas: Galpões de empresa e 2 ônibus queimados Pouso Alegre: 3 ônibus queimados Santa Rita do Sapucaí: caminhão da Copasa queimado São Bento Abade: três ônibus escolares queimados São Lourenço: Casa de um policial militar foi alvo de tiros; tentativa de queimar um ônibus São Sebastião do Paraíso: Dois caminhões de lixo queimados Três Corações: Tentativa de queimar um ônibus Três Pontas: Fogo no carro de agente penitenciário Varginha: 1 viatura do Sistema Prisional e 1 ônibus queimados; ataque de tiros em presídio Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Mon, 16 Jul 2018 19:54:17 -0000
Alemães têm mais medo de Trump que de Putin

EUA podem ser aliado número um da Alemanha, mas, segundo estudo, dois terços dos alemães acham que presidente americano é mais perigoso que o russo. O que não surpreende: prioridades políticas dos países são diferentes. O presidente dos EUA, Donald Trump, depois de chegar a Helsinque para encontro com Putin Reuters/Leonhard Foeger Questionados sobre qual líder mundial representa uma ameaça maior para a segurança global, 64% dos alemães escolheram o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e não o o presidente russo, Vladimir Putin, segundo uma pesquisa do instituto britânico YouGov publicada no domingo (15), véspera do encontro de ambos em Helsinque. A antipatia dos alemães em relação a Trump não acaba aí: 56% dos entrevistados acham que Putin é mais competente que Trump, que obteve apenas 5% da preferência nesse quesito. E ainda: 36% dos alemães gostam mais de Putin do que de Trump, enquanto 6% dizem o contrário – apesar de muitos entrevistados terem se recusado a indicar alguma predileção nessa questão. O dado talvez mais surpreendente da pesquisa é que 44% dos alemães disseram que Putin tem mais poder que Trump, comparado a apenas 29% que disseram que o presidente dos Estados Unidos tem mais poder. Os conservadores alemães partilham da aversão a Trump manifestada pelos cidadãos do país em geral. Em níveis similares aos dos entrevistados como um todo, os eleitores que votaram no partido CDU, da chanceler federal Angela Merkel nas últimas eleições legislativas (setembro de 2017), também consideram Putin mais simpático, competente e poderoso do que o presidente dos Estados Unidos. Na verdade, eleitores conservadores tinham uma tendência levemente mais alta (66%) de classificar Trump como mais ameaçador do que o total dos entrevistados (64%). Numa entrevista concedida à edição dominical do tabloide alemão Bild, o ministro alemão do Exterior, Heiko Maas, incluiu um alerta ao presidente americano. "Diálogo requer clareza, e no sistema de coordenadas de Trump essa clareza é ausente", afirmou Maas. "Qualquer um que esnobe seus parceiros corre o risco de sair perdendo no final. Acordos unilaterais em detrimento dos parceiros dos americanos também acabam prejudicando os Estados Unidos", acrescentou. "Se esse encontro produzir alguns impulsos para o desarmamento nuclear, seria um passo para a frente", considerou Maas. Opinião dos alemães sobre Putin e Trump D.W. Por um lado, os alemães temem que as tendências de "macho alfa" de Trump e Putin possam colidir durante a reunião em Helsinque, aumentando as tensões entre as duas maiores potências militares mundiais. Por outro, talvez eles tenham ainda mais medo de que Trump e Putin concordem demais. "Os dois homens mais poderosos do mundo têm uma coisa em comum", diz o texto da principal matéria do Bild, publicada no domingo. "Eles querem enfraquecer a Europa." Esse ponto de vista é amplamente difundido na Alemanha, onde muitos temem que as hostilidades ocasionais contra a aliança militar atlântica Otan, por exemplo, beneficiem o objetivo estratégico de Putin de dividir o Ocidente e aumentar a influência internacional da Rússia. "Donald Trump está se encontrando com Vladimir Putin, o homem que ele admira – e que se tornou o adversário do Ocidente", diz o texto principal da revista semanal Der Spiegel. "Se a cúpula de Helsinque se tornar um encontro de dois [líderes] que pensam igual, isso poderia abalar [profundamente] a Europa." Uma das maiores preocupações dos alemães é a crença de que o homem de negócios e ex-estrela de TV Donald Trump pode estar extremamente abaixo do nível de um político veterano como Putin. "O presidente americano está tropeçando para dentro de uma cúpula com um ex-agente da KGB, o extinto serviço secreto soviético, que se manteve no poder por 18 anos, oprimiu a oposição, manipulou eleições democráticas e não tem escrúpulos em usar de violência", relata o Spiegel. "[Putin é] Alguém que sabe exatamente o que quer", descreve ainda o texto da revista. A desconfiança das motivações e da capacidade de liderança de Trump fica evidente em como os alemães veem os EUA como um todo. Numa pesquisa do YouGov publicada no início de julho, os alemães foram questionados se tinham uma visão geralmente positiva ou negativa dos Estados Unidos: 59% disseram ver os EUA de forma negativa, comparados com apenas 29% que assinalaram a opção positiva. A diferença entre a perspectiva negativa e positiva na França foi de 56% para 36%, respectivamente, enquanto mais entrevistados no Reino Unido disseram ver os Estados Unidos de forma positiva (48%) do que negativa (39%). Porém, a visita de Trump ao país na semana passada pode ter alterado esses números. Os motivos para a antipatia dos alemães em relação a Trump são mais complexos do que a resposta visceral ao estilo de liderança abrasivo do presidente americano. Os alemães simplesmente têm prioridades diferentes. Num estudo recente realizado pelo instituto de pesquisas de opinião Emnid para o diário Bild, perguntou-se aos entrevistados quais assuntos políticos eles consideravam os mais importantes. O aumento de despesas com o setor da Defesa, uma das prioridades de Trump, ficou em último lugar, com apenas 16%. Segundo a pesquisa, os alemães também não estão particularmente preocupados com o aumento da imigração na Europa: apenas 38% dizem que priorizariam "limitar a imigração". O que parece preocupar mais os alemães é a pobreza na velhice, a manutenção de oportunidades de educação iguais para todos e a melhoria de seu sistema de saúde.
Mon, 16 Jul 2018 19:52:22 -0000
Cachorro 'corintiano' adotado após ser resgatado de córrego na Zona Norte de SP faz sucesso na internet

Com pelo preto e branco, mascote ganhou o nome de Timão. ‘Maloqueiro e sofredor’, diz a nova dona. Cão é resgatado na Zona Norte de SP O resgate de um cachorro no Jardim Japão, Zona Norte de São Paulo, no último domingo (15), fez sucesso na internet. O animal ficou preso pelo menos 5 dias na calha de um córrego antes de ser retirado por um morador do bairro. Até esta segunda-feira (16), a postagem de Bianca Macedo, 25, a nova dona do animal, contava com 1,4 mil curtidas no Facebook. O cão, com manchas em preto e branco, ganhou o nome de Timão, em homenagem ao Corinthians, time de futebol da maior parte da família. "Maloqueiro e sofredor", diz a postagem na rede social. “Na quarta-feira à noite, vimos uma movimentação de bombeiros no córrego, mas não sabíamos o porquê”, conta Bianca, ao G1. Alguns dias mais tarde, sua mãe ficou sabendo que se tratava de um cachorro, que, assustado, se escondia na tubulação a cada vez que alguém se aproximava. A sofrimento do bicho mobilizou a família, que, após o almoço de domingo, resolveu tomar uma atitude. Coube ao namorado de Bianca, Ricardo Zeferino, entrar na calha do córrego poluído. “A gente prendeu umas três sacolas plásticas em cada pé dele [para não sujar o pé]. Não adiantou.” A primeira tentativa de resgate não deu certo - segundo Bianca, porque a ação reuniu muitos curiosos na rua, o que assustou o cão. “Na segunda vez, ele [Ricardo] conseguiu pegá-lo dentro do túnel por onde passa o córrego”, conta. Cachorro Timão, resgatado de córrego na Zona Norte, ao lado da mãe de Bianca, Floripedes Guimarães Bianca Macedo/Arquivo pessoal Timão, assustado e faminto, devorou a ração que a família lhe deu. Também passou no pet shop e tomou um banho especial para ser higienizado. “Agora só falta passar no veterinário, mas uma consulta particular é muito cara”, afirma Bianca. “A solução seria ir na clínica pública que tem aqui na Zona Norte, mas todo mundo trabalha, tem criança pequena pra cuidar, não dá pra chegar lá de madrugada”, completa a nova dona do animal, que julga, pela experiência com cães, que o novo membro da família tem menos de um ano de idade. Cachorro Timão após ser resgatado de córrego na Zona Norte de São Paulo Bianca Macedo/Acervo pessoal
Mon, 16 Jul 2018 19:51:17 -0000
Programa que remunera pela produção de água na bacia do Guariroba está com inscrições abertas

O prazo para a apresentação das propostas vai até o dia 30 de setembro. Córrego Saltinho faz parte da bacia do Guariroba, onde é desenvolvido o Manancial Vivo, em Campo Grande Anderson Viegas/G1 MS A secretaria de Meio Ambiente e Gestão Urbana de Campo Grande (Semadur) continua recebendo as propostas de produtores interessados em participarem do programa Manancial Vivo. A iniciativa é voltada à Conservação de solo, água e florestas, restauração em Áreas de Preservação Permanente (APP) e ao recebimento de Pagamentos por Serviços Ambientais (PSA) no município.. O prazo para a apresentação das propostas vai até o dia 30 de setembro. As propostas deverão ser apresentadas na Semadur, situada na Rua Cândido Mariano n. 2655 (Central de Atendimento ao Cidadão – CAC) Mesa K42, das 08 às 16h. A celebração dos novos contratos será condicionada à seleção e aprovação das propostas pela Unidade Gestora do Programa Manancial Vivo. As regras e a ficha de cadastro estão disponíveis no Diogrande. O secretário municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, Luís Eduardo Costa, ressalta que o pagamento pelos serviços ambientais é um instrumento inovador e que atrai a atenção inclusive de outros países. “O objetivo é compensar os proprietários que mantêm ou recuperam o meio ambiente e os recursos naturais gerando serviços que beneficiam não somente eles, mas principalmente a sociedade”, comenta. Luis Eduardo explica que quando um produtor recupera sua APP, que desempenha importante papel na melhoria da infiltração da água no solo, gera habitat para a vida selvagem, e promove diversos benefícios. “Por esse motivo pode ser considerado um fornecedor de serviços ambientais”, complementou. O gestor do programa e agente fiscal de meio ambiente, Marcos Andrey, destaca a necessidade da conscientização dos produtores rurais quanto à preservação ambiental da região e a adesão ao programa. “Tudo ocorre dentro da propriedade rural e quem detém o poder da decisão de se engajar no processo, da adequação ambiental da propriedade é o seu dono”, explica. Andrey reforça, ainda, que o proprietário motivado pelo desejo de restabelecer o equilíbrio e a sustentabilidade da propriedade, ou pela necessidade de atender a legislação vigente é o principal autor das ações. “Esse produtor tendo a oportunidade de aderir ao programa consegue entender a necessidade de manejo ambiental correto e isso com certeza irá contribuir na melhoria da qualidade ambiental da sua propriedade, como também na produtividade dela. Resultando ainda, na chance de um complemento financeiro, dando lucro para os donos e a sustentabilidade econômico-financeira da propriedade”, justificou. O programa O Manancial Vivo (PMV) é uma experiência de PSA realizada na Área de Proteção Ambiental do córrego Guariroba – APA do Guariroba que segue as diretrizes e conceitos do Programa Produtor de Água, desenvolvido pela Agência Nacional de Águas (ANA). Trata-se de um programa voluntário de restauração do potencial hídrico e do controle da poluição difusa no meio rural. Prevendo pagamentos aos produtores rurais que, por meio de práticas e manejos conservacionistas e de melhoria da distribuição da cobertura florestal na paisagem, contribuam para o aumento da infiltração de água e para o abatimento efetivo da erosão, sedimentação e incremento da biodiversidade. Os pagamentos aos proprietários serão baseados na realização e manutenção das práticas recomendadas no Projeto Individual da Propriedade e monitorados pelos técnicos do PMV. Havendo condição orçamentária poderá ser disponibilizada, gratuitamente, pela equipe técnica, a elaboração dos Projetos Individuais das Propriedades inscritas e a assistência técnica para a execução deles.
Mon, 16 Jul 2018 19:47:18 -0000

Offers and services for you

This page was created in: 0.01 seconds

Copyright 2018 Oscar WiFi

This website or its third-party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer our Cookie Policy More info