Últimas notícias do Brasil e do mundo, sobre política, economia, emprego, educação, saúde, meio ambiente, tecnologia, ciência, cultura e carros. Vídeos dos telejornais da TV Globo e da GloboNews.
Alta de 16,08% nos preços das roupas nos últimos 12 meses é a maior em 27 anos

A indústria afirma que o custo dos insumos subiu demais e teve que repassar o aumento ao consumidor. O preço da energia, frete, mão de obra e do algodão impactaram diretamente a produção. Alta de 16,08% nos preços das roupas nos últimos 12 meses é a maior em 27 anos A inflação do setor de vestuário, nos cálculos do IPCA, acumulou uma alta de 16,08% no período entre maio de 2021 e maio deste ano. De acordo com a Confederação Nacional do Comércio, é a maior inflação para um período de 12 meses nos últimos 27 anos. “Isso não significa que as vendas de vestuário estejam bombando, estejam crescendo muito. De fato, não estão. Segmento tem crescido nos últimos meses, mas ainda se encontra num nível de faturamento cerca de 8% abaixo do período pré-pandemia”, conta Fábio Bentes, economista da CNC. Em uma confecção de Belo Horizonte, as peças sofreram um reajuste de 30% no último ano. “Agente está tentando buscar estratégias para que a gente passe o menor valor possível, que ele consiga comprar essa roupa, uma roupa de qualidade, uma roupa que tem um diferencial, com preço justo”, explica Rafael Paes Lemes, dono da confecção. Quem gosta de andar na moda já constatou: comprar roupa está caro mesmo. A indústria do vestuário afirma que os preços dos insumos subiram demais e teve que repassar o aumento ao consumidor. Aumento no custo da energia, frete, mão de obra e algodão foram alguns dos fatores que impactaram a produção. Produção de algodão do oeste da Bahia é considerada uma das melhores do mundo. TV Oeste O quilo do algodão subiu 150% nos últimos dois anos. Reflexo da desvalorização do real frente ao dólar e da alta demanda pelo produto no mercado internacional. No entanto, o presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil, Fernando Pimentel, espera que, a partir de agora, os preços comecem a desacelerar. “Tudo leva a crer que a pior pressão de aumento dos custos começou a se atenuar, o que consequentemente vai melhorar a capacidade das empresas de produzir e levar o seu produto ao mercado e, paulatinamente, a inflação do vestuário ela vai cedendo”, afirma ele.
Thu, 30 Jun 2022 04:27:28 -0000
'Bongbong' Marcos, filho do ditador Ferdinand Marcos, assume a presidência das Filipinas no lugar de Duterte

A família Marcos volta ao palácio presidencial das Filipinas 36 anos após a revolta popular que derrubou o ditador e os obrigou a fugir para o exílio nos Estados Unidos. Ferdinand Marcos Jr. e Sara Duterte durante evento de campanha nas Filipinas Reprodução/Instagram/Bongbong Marcos O novo presidente das Filipinas, Ferdinand Marcos Jr., filho do ditador de mesmo nome que governou o país por mais de 20 anos, toma posse como presidente do país nesta quinta-feira (30). Marcos Jr., conhecido pelo apelido de Bongbong, venceu as eleições presidenciais em maio. Ele sucede o presidente Rodrigo Duterte. Filho de ex-ditador Ferdinand Marcos é eleito para presidente das Filipinas Família de ditador Com a vitória, a família volta ao palácio presidencial de Malacanang, em Manila, 36 anos após a revolta popular que derrubou seu pai e os obrigou a fugir para o exílio nos Estados Unidos. Os laços com seu pai, responsável por uma sangrenta repressão durante os anos de lei marcial, fazem de Bongbong um dos políticos mais divisivos do país. O pai de Bongbong governou de 1965 até 1986. Ele perseguiu seus oponentes e matou ou prendeu milhares deles. O sobrenome da família passou a ser associado a roubos de dinheiro público (os parentes negam que isso tenha acontecido). Durante os anos de governo de seu pai, Bongbong era um adolescente que estudava no Reino Unido. Marcos Jr. defende o regime de seu pai, que ele descreve como um gênio político. Ele argumente que o país passou por crescimento no início do regime de Ferdinand Marcos em razão dos altos gastos públicos, mas não cita nada sobre a corrupção e a má gestão que acabou empobrecendo as Filipinas. Durante a campanha, Marcos Jr. fugiu dos debates e de entrevistas para não ter que responder perguntas sobre sua família. Segunda campanha Apesar do pai descrevê-lo como "despreocupado e preguiçoso", Marcos Jr. soube esperar a oportunidade e chegar à presidência. Marcos Jr. foi duas vezes vice-governador na província de Ilocos Norte e também foi eleito para a Câmara dos Deputados e para o Senado. Em 2016 ele se candidatou à vice-presidência (no país, as eleições para presidente e vice-presidente são desvinculadas) e foi derrotado por Leni Robredo. Ele finalmente venceu neste ano com uma mensagem de unidade e a promessa de lutar contra o desemprego e a inflação. Aliado de Duterte Durante a campanha, ele soube aproveitar as redes sociais para lançar uma ampla campanha de desinformação visando os jovens, que não conheceram o governo ou a corrupção em larga escala dos 20 anos de ditadura de seu pai. Seus adversários tentaram desqualificá-lo da corrida presidencial, citando uma condenação anterior por não declarar sua renda, acusando-o de mentir sobre suas realizações acadêmicas e de não pagar quase US$ 4 bilhões em impostos referentes à herança. Mesmo após a vitória, Marcos Jr. evita a mídia, preferindo delegar a comunicação à porta-voz Trixie Cruz-Angeles. Relação com os Duterte A filha do presidente Duterte, Sara Duterte, concorreu ao cargo de vice-presidente e venceu. O presidente Duterte chegou a descrever Bongbong como fraco, mas apoiou sua candidatura. Alguns veem esse apoio como uma tentativa de Duterte, alvo de uma investigação internacional por sua guerra às drogas, de evitar ser perseguido judicialmente quando seu mandato terminar. Marcos Jr. e Sara Duterte têm em comum serem filhos de líderes autoritários, o que preocupa grupos de direitos humanos que temem que ambas as famílias se perpetuem no poder.
Thu, 30 Jun 2022 04:01:12 -0000
Polícia prende suspeitos de envolvimento na morte de dono de bar em Ribeirão das Neves

Um dos homens usava a motocicleta da vítima quando foi abordado pelos militares. Crime aconteceu na madrugada deste domingo (26) Google Street View/Reprodução A Polícia Militar prendeu, nessa quarta-feira (29), quatro homens suspeitos de envolvimento no assassinato do dono de um bar em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Conforme informações da corporação, três dos homens foram encontrados no bairro Toni. Denúncias anônimas apontaram que o trio, após o crime, voltou ao estabelecimento da vítima.  Dono de bar é assassinado em Ribeirão das Neves Os detidos fizeram contato com o quarto homem, suspeito de ser o autor principal, e ele foi até o local usando a motocicleta da vítima. Ao avistar a viatura, ele tentou fugir, mas foi contido pelos policiais.  Durante o registro policial, os militares apreenderam cervejas, salgadinhos e outros produtos que eram comercializados no bar. Além de maconha, cocaína e uma arma calibre 22. Os suspeitos foram encaminhados à delegacia. A motivação do homicídio é apurada pela Polícia Civil.  O crime A vítima foi assassinada na madrugada do último domingo (26), em Ribeirão das Neves. De acordo com a polícia, o corpo do homem foi encontrado dentro do balcão do estabelecimento com marcas de lesões na cabeça. Não houve testemunhas e os vizinhos relataram apenas que a vítima estava no bar, já com a porta fechada pela metade, quando ouviram barulhos de tiros no local e o som de uma motocicleta saindo em alta velocidade. Segundo os relatos, a vítima era conhecida por causar confusão com os frequentadores do bar e provocar brigas. Aos agentes, a esposa informou que o marido era alcoólatra e passava muito tempo dentro do bar. No local, os agentes também encontraram uma sala com duas máquinas caça-níqueis. O material foi recolhido. Veja os vídeos mais assistidos do g1 Minas:
Thu, 30 Jun 2022 03:10:48 -0000
Geraldinho Lins encerra noite de São Pedro nos festejos juninos de Caruaru

Artista cantou músicas nos ritmos de baião, xaxado, caboclinho, xote, frevo bloco e frevo rasgado no Pátio de Eventos. Geraldinho Lins no São João de Caruaru Hayale Guimarães/g1 Caruaru O cantor e compositor Geraldinho Lins encerrou as apresentações da noite de São Pedro em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, nesta quarta-feira (29). Natural de Serra Talhada, no Sertão, o artista cantou músicas nos ritmos de baião, xaxado, caboclinho, xote, frevo bloco e frevo rasgado no Pátio de Eventos. Durante o show, Geraldinho Lins fez uma homenagem ao cantor Wesley Safadão, que iria cantar no São João de Caruaru, e cancelou a apresentação por questão de saúde. "Eu estava com saudades de cantar nesta festa tão linda que é o São João de Caruaru, eu amo essa cidade, e esse show é muito especial depois de todo esse tempo difícil que passamos, diz Geraldinho Lins. Geraldinho Lins em Caruaru Hayale Guimarães/g1 Caruaru Os festejos juninos continuam na quinta-feira (30) no Maior e Melhor São João do Mundo com shows de Caruaru canta Dominguinhos, Batista Lima e Saia Rodada. Confira a entrevista: Geraldinho Lins no São João de Caruaru u
Thu, 30 Jun 2022 03:03:35 -0000
Mega-Sena pode pagar R$ 37 milhões nesta quarta-feira

Apostas podem ser feitas até as 19h em lotéricas ou pela internet. Valor da aposta mínima é de R$ 4,50. Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até as 19h Marcelo Brandt/G1 O concurso 2.496 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 37 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h desta quinta-feira (30), em São Paulo . A aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada também pela internet até 19h - saiba como fazer. No último sorteio da Mega-Sena, na terça (28), nenhuma aposta acertou as seis dezenas. Entenda como funciona a Mega-Sena e qual a probabilidade de ganhar o prêmio Para apostar na Mega-Sena As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito. Probabilidades A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa. Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa. VÍDEOS: os vídeos mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias
Thu, 30 Jun 2022 03:01:15 -0000
Justiça decide nesta quinta se caso Patrícia Amieiro terá novo julgamento

Em 2020, a família da engenheira entrou com um recurso pedindo que o caso fosse submetido novamente a júri popular, depois do surgimento de uma nova testemunha de acusação. Patrícia Amieiro Reprodução A 8ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decidirá nesta quinta-feira (30) se aceita ou não o pedido por um novo julgamento dos responsáveis pela morte de Patrícia Amieiro - engenheira que desapareceu em junho de 2008, após seu carro ser atingido por tiros de policiais. A sessão desta quinta está marcada para às 13h e a relatora será a desembargadora Elizabeth Alves de Aguiar. O objetivo da família é levar o caso novamente à júri popular. Na opinião de Adryano Amieiro, irmão da engenheira, essa é a última chance de fazer justiça pela morte de Patrícia. "Nós estamos com muita confiança que vai ser feita Justiça. O caso tem que ir a júri popular, se não vai dar alvará para todo mundo sair matando e escondendo os corpos por aí", disse o irmão de Patrícia. A decisão por um novo julgamento desse caso deveria ter acontecido no último dia 5 de maio, mas a audiência foi adiada a pedido da defesa dos PMs envolvidos na morte da engenheira. Segundo o advogado da família de Patrícia, o motivo do adiamento foi um problema dentário do advogado de defesa dos PMs. Caso Patrícia Amieiro: testemunha diz ter visto PMs levando a engenheira ainda viva O primeiro júri ocorreu em 2019, mas com o surgimento de uma nova testemunha em setembro de 2020 o caso foi reaberto. A Justiça acolheu o novo depoimento e aceitou o recurso para um novo julgamento. Caso o pedido da defesa seja negado, o caso será arquivado e a decisão de 2019 será mantida. Na ocasião, dois policiais militares foram condenados a três anos de prisão e 60 dias-multa por fraude processual. Outros dois policiais foram absolvidos. Relembre o caso No dia 14 de junho de 2008, a engenheira Patrícia Amieiro foi vista com vida pela última vez. Segundo a denúncia, ela foi morta, aos 24 anos, na Barra da Tijuca, quando voltava de uma festa na Zona Sul do Rio e teve seu carro atingido por tiros de policiais. Segundo as investigações, quatro policiais militares se envolveram com o crime. O corpo de Patrícia nunca foi encontrado. Segundo a polícia, Patrícia perdeu o controle do veículo após os tiros e colidiu em dois postes e uma mureta. Na época, o carro foi encontrado na beira do Canal de Marapendi, na Barra da Tijuca, com o vidro traseiro quebrado e o porta-malas aberto. Para o Ministério Público, o corpo foi retirado do veículo e o carro jogado no canal pelos policiais envolvidos na ocorrência para impedir que o homicídio fosse descoberto. Caso Patrícia Amieiro: testemunha diz que policiais tiraram engenheira viva do carro No primeiro julgamento, em dezembro de 2019, os policiais militares Marcos Paulo Nogueira Maranhão e William Luís Nascimento foram condenados a três anos de prisão por fraude processual no caso da morte da engenheira. Também acusados de envolvimento no caso, os PMs Fábio Silveira Santana e Marcos Oliveira foram absolvidos. Embora condenados, os policiais Marcos e William puderam recorrer em liberdade. Com relação a tentativa de homicídio, o júri votou pela absolvição de ambos. Logo em seguida, os advogados da família da engenheira entraram com recurso. Nova testemunha Em setembro de 2020, uma nova testemunha do caso se apresentou para prestar depoimento ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ). Mãe da engenheira Patricia Amieiro fala sobre nova testemunha do caso Segundo a família da engenheira, a testemunha é um taxista que estava atrás do carro de Patrícia e teria presenciado a ação dos policiais envolvidos. A família diz que a testemunha afirmou categoricamente, "com riquezas de detalhes", ter visto Patrícia Amieiro ser retirada do carro ainda viva e que ela ainda mexia os braços quando foi retirada pelos policiais do veículo. Os acusados chegaram a solicitar o desentranhamento do depoimento do taxista, alegando ser inoportuno e que não poderia ser apresentado tanto tempo depois. No entanto, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro acolheu o depoimento que os advogados da família de Patrícia juntaram ao processo.
Thu, 30 Jun 2022 03:01:14 -0000
Banda Alumã extrai 'Ouro negro' do interior da Bahia, na batida do rock, em EP autoral

♪ No mapa da música brasileira, o interior da Bahia é identificado no imaginário nacional como terra de ritmos massivos como o arrocha e a pisadinha. Caminhando na contramão do mercado da música, a banda Alumã – formada em 2018 na interiorana cidade baiana de Catu (BA) – extrai o rock da terra natal em Ouro negro – Volume 1, EP que desembarca nos aplicativos de música no sábado, 2 de julho, pelo selo Praia dos Artistas, com capa assinada pelo designer Gabriel Santos. Originalmente um duo formado por Sinho NotNames (voz, guitarra e composições) com a baterista Sterr, mas desde 2019 um power trio com a entrada do baixista Cadinho Almeida, o grupo Alumã versa sobre resistência e identidade negra, na batida do rock, nas três músicas inéditas gravadas entre o Estúdio T e o estúdio da produtora Praia dos Artistas com produção musical do guitarrista Martin Mendonça. O EP Ouro negro apresenta as músicas inéditas Obscuro, Sacrifício e Força pra seguir, todas de autoria de Sinho NotNames, agitador cultural da cena pop roqueira baiana. A banda Alumã foi batizada com o nome de planta típica do nordeste do Brasil, trazida pelos escravos do período colonial e usada para fins medicinais e religiosos nas religiões de matriz africana. Capa do EP 'Ouro negro – Volume 1', da banda Alumã Divulgação
Thu, 30 Jun 2022 03:01:12 -0000
Arraial da Nossa Gente encerra programação em Icoaraci, nesta quinta

Festa junina destaca a cultura popular, com quadrilhas, cordão de pássaros, grupos de carimbó e muito forró. A programação do Arraial da Nossa Gente encerra a programação nesta quinta-feira (30), em Icoaraci, distrito de Belém. A festa junina, realizada pela Prefeitura de Belém, por meio da Agência Distrital de Icoaraci (Adic) e Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel), destaca a cultura popular, com quadrilhas, cordão de pássaros, grupos de carimbó e muito forró. Confira a programação do Arraial da Nossa Gente em Icoaraci: Local: Praça Matriz de Icoaraci / Avenida Paes de Carvalho Quadrilhas: •19h - Brasileirinha •19h40 - Impacto Junino •20h20 - Rastapé •21h - Furação junino de Outeiro •21h40 - Império Junino •22h20 - Rosa Vermelha •23h10 - Moreninha •23h50 - Pé de Moleque
Thu, 30 Jun 2022 02:50:08 -0000
Sine oferta empregos em 10 áreas em Macapá; veja as vagas para 30 de junho

Interessado pode enviar currículo por e-mail ou ir presencialmente na Casa do Trabalhador. Carteira de trabalho Jorge Júnior/Rede Amazônica O Sistema Nacional de Emprego no Amapá (Sine-AP) oferta oportunidades de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência. O Sine recebe currículos presencialmente das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira, na Casa do Trabalhador (endereço: Avenida Mendonça Júnior, entre as ruas Paraná e Marcelo Cândia, no Santa Rita). Os interessados também podem encaminhar currículo, citando o emprego desejado, por e-mail, para o endereço: sinetrabalhador@sete.ap.gov.br. Trabalho e carreira: veja lista de concursos públicos, processos seletivos e vagas de trabalho no estado As oportunidades estão disponíveis apenas para o dia divulgado. Veja as vagas ofertadas de acordo com as solicitações das empresas: auxiliar de cozinha auxiliar administrativo cozinheiro cuidador de idoso garçom jardineiro técnico em laboratório vendedora interna vendedor porta a porta auxiliar de limpeza (para pessoa com deficiência) Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá VÍDEOS com as notícias do Amapá:
Thu, 30 Jun 2022 02:43:24 -0000
Covid-19, gripe e sarampo: saiba onde Macapá oferta vacinas em 30 de junho

Campanhas acontecem em UBSs e drive-thru na Praça Floriano Peixoto. Confira locais e horários. Vacinação contra a Covid-19 Prefeitura de Campo Grande Nesta quinta-feira (30), Macapá oferta doses de vacinas contra a Covid-19 para todos os públicos a partir dos 5 anos de idade. Para quem está dentro do prazo previsto, são aplicadas doses de AstraZeneca, Janssen, CoronaVac e Pfizer. Desde a semana passada, a 4ª dose passou a ser ofertada para um novo grupo: pessoas com 40 anos ou mais de idade e também os profissionais de saúde. Adolescentes entre 12 e 17 anos estão autorizados a tomar a dose de reforço da vacina. Além disso, pessoas com 60 anos ou mais também podem ser vacinadas contra o vírus influenza, que assim como o imunizante do sarampo, ficam disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Quem pode se vacinar contra Covid-19? 1ª dose Todos acima de 5 anos 2ª dose AstraZeneca: para quem iniciou o ciclo vacinal há 8 semanas CoronaVac: período indicado no cartão de vacinação Pfizer: para quem iniciou o ciclo vacinal há 21 dias ou mais Janssen: quem tomou a dose única do imunizante Dose de reforço (3ª dose) Todos acima de 12 anos: 4 meses após a 2ª dose Pessoas imunossuprimidas: 21 dias após a 2ª dose Segunda dose de reforço (4ª dose) Pessoas imunossuprimidas, profissionais de saúde e público em geral a partir dos 40 anos: 4 meses após a 3ª dose Locais de imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) Das 8h às 17h, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs): Coração, Rosa Moita (Nova Esperança), Brasil Novo, Pacoval, Perpétuo Socorro, Raimundo Hozanan (Muca), Cidade Nova, Congós, Macapaba, Pedrinhas, Curiaú, Marabaixo, Padre Raul Matte (Zerão), Leozildo Fontoura (Zerão), BR-210, Novo Horizonte, Pantanal, Fazendinha, Rubim Aronovitch (Santa Inês), Marcelo Cândia (Jardim Felicidade). Público: 1ª e 2ª doses para todas as crianças de 5 a 11 anos; 1ª dose para o público em geral de 12 anos ou mais; 2ª dose de AstraZeneca, Pfizer e CoronaVac; 3ª dose para todas as pessoas acima de 12 anos de idade; 4ª dose para pessoas com 40 anos ou mais, profissionais de saúde, grávidas e pessoas imunossuprimidas. De 9h às 15h, no drive-thru da Praça Floriano Peixoto: Público: 1ª dose para o público em geral a partir de 12 anos; 2ª dose de AstraZeneca, Pfizer e CoronaVac; Reforço da Janssen para quem recebeu a 1ª dose com o mesmo imunizante. 3ª dose para todas as pessoas acima de 12 anos de idade; 4ª dose para pessoas com 40 anos ou mais, profissionais de saúde, grávidas e pessoas imunossuprimidas. Documentos necessários para vacinação contra Covid-19 Para a 1ª dose: originais e cópias de um documento oficial com foto, CPF, comprovante de residência, carteira de vacinação; no caso das crianças e adolescentes é obrigatória a presença do responsável. Para 2ª dose: carteira de vacinação com indicação do recebimento da 1ª dose. Dose de reforço e 4ª dose: carteira de vacinação com a indicação da aplicação da dose anterior da vacina. Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá VÍDEOS com as notícias do Amapá:
Thu, 30 Jun 2022 02:43:17 -0000

Offers and services for you

This page was created in: 0.02 seconds

Copyright 2022 Oscar WiFi

This website or its third-party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer our Cookie Policy More info